13
Junho
21:00 — 22:00
Pico – Museu dos Baleeiros
Rua dos Baleeiros, 13

Lajes do Pico, 9930-143
A carregar Eventos
  • Este evento já decorreu.

O escritor Carlos Tomé lança nos dias 12, às 18:30 h, por Cristina Silveira, na Biblioteca Pública e Arquivo Regional João José da Graça, Horta (Faial) e no dia 13 de junho, às 21 h, o seu mais recente livro, “O Bracinho”, no Museu dos Baleeiros.

A obra, com chancela da Letras LAVAdas, romanceia um acontecimento ocorrido em 1960, no auge do movimento emigratório de açorianos para a América e para o Brasil.

Nesse ano, uma família micaelense que alimentava o sonho de um futuro melhor em S. Paulo, resolve emigrar para terras brasileiras, mas deixa atrás o mais jovem do seu agregado, um menino de seis anos, António, conhecido carinhosamente na freguesia onde nasceu e vive de “Bracinho”, que fica ao cuidado de uma tia. António vê-se de um momento para o outro privado da companhia e do conforto afetivo de pais e irmãos, sentindo-se tão triste e abandonado quanto seria de esperar de uma criança que não entende as razões para o que encara como rejeição.

Ao longo de 160 páginas, Carlos Tomé romanceia esta história verídica  e conduz o leitor pelos caminhos percorridos pelo “Bracinho” ao longo da sua vida, traçando não só o retrato  de uma tragédia pessoal acontecida a quem ainda não tinha qualquer estrutura mental para suportá-la, mas também acompanhando a evolução da personagem e das suas circunstâncias.

O “Bracinho” é o quarto livro de Carlos Tomé que publicou em 2002 “A Noite dos Prodígios e outras histórias” (contos), em 2006 “Morreremos Amanhã” (romance) e em 2016 “Um Perigoso Leitor de Jornais”, todos muito bem acolhidos pela crítica e pelos leitores.

 

Foto: Eduardo Costa

PARTILHE ESTE EVENTO: