Top Azores: 12 Livros ‘Made in Azores’ que deve oferecer neste Natal!

Top Azores: 12 Livros ‘Made in Azores’ que deve oferecer neste Natal!

O Natal está à porta, e um dos grandes dilemas desta quadra festiva é sem dúvida o que oferecer de presente a familiares e amigos.

O Top Azores desta semana pretende ajudar-te nesta árdua tarefa, dando-te a lista de 12 livros “made in Azores” para ofereceres aos que mais gostas, editados pela nossa editora Publiçor / Letras Lavadas!

Este e outros títulos encontram-se à venda na Feira do Livro na Rua dos Mercadores, em Ponta Delgada, nos hipermercados Continente em Ponta Delgada (Parque Atlântico) e Angra do Heroísmo. Estão disponíveis também na nossa loja online no site www.letraslavadas.pt

[blank h=”30″]

[/blank]

1. Dicionário Sentimental da Ilha de São Miguel

Este livrinho de Fátima Sequeira Dias é sempre uma boa oferta, principalmente para os não-açorianos, pois trata-se de um pequeno dicionário de bolso com um registo carinhoso e bem-humorado de factos históricos, vivências, expressões e particularidades do “falar” micalense.

[text_divider type=”single”]

[/text_divider]

2. As Ilhas Desconhecidas

As Ilhas Desconhecidas – Notas e Paisagens são sem sombra de dúvida uma das obras-primas da literatura de viagens em língua portuguesa, facilmente ombreando com os melhores clássicos. Com efeito, ainda hoje, é impossível compreender os Açores moderno, sem trilhar os passos e entender as apreciações do escritor nessa viagem realizada de junho a agosto de 1924, ao encontro de um mundo de magia e mistério. Ligam-se a natureza, as pessoas, as tradições e a história, e o que resulta é um panorama que naturalmente nos atrai, numa identificação em que nos tornamos participantes num extraordinário laboratório onde o povo açoriano se singulariza nas suas qualidades, através de um melting pot baseado numa rica simbiose entre natureza e sociedade.

[text_divider type=”single”]

[/text_divider]

3. Relato da Minha Viagem aos Açores (1812-1814)

Este livro é um relato inédito da viagem de Briant Barrett aos Açores, nos anos de 1812‑1814. Além de relatar as vivências por que passou, Barrett não se coíbe de tecer opiniões e considerações sobre tudo aquilo que vê, desde as paisagens, ao quotidiano das gentes açorianas, ao clima. Um relato terno e interessante que nos permite viajar e traçar uma imagem dos Açores do século XIX. Este livro resulta na tradução e revisão do manuscrito de Barrett, que se encontra na Biblioteca Pública de Ponta Delgada.

[text_divider type=”single”]

[/text_divider]

4. Álbum Micaelense – Memórias e Factos

Livro do historiador José de Almeida Mello, com colaborações de Eduardo Ferraz da Rosa e de Machado Pires, entre outros. Conta com mais de 300 imagens que retratam as vivências na ilha de São Miguel entre 1870-1974.

A prenda de Natal ideal para amantes de História e de fotografias antigas!

[text_divider type=”single”]

[/text_divider]

5. Perguntas & Respostas Sobre a História dos Açores

Em 70 perguntas, o autor esclarece parcelas importantes da memória coletiva dos Açores, que fazem parte de uma História com mais de 500 anos. Trata-se de uma forma diferente de interpelar o passado, que permite despertar a curiosidade pela História dos Açores e fornecer, através de uma escrita fluída, respostas concisas e objetivas às diversas questões colocadas. Paralelamente, a obra procura contemplar as diferentes épocas e temáticas da realidade histórica insular, em estrita relação com a História nacional.

[text_divider type=”single”]

[/text_divider]

6. Presépios na Ilha de São Miguel – Séculos XVIII-XIX

Pequeno estudo sobre estas manifestações artísticas que decoram as casas e igrejas pela altura do Natal. A obra, da autoria do historiador José de Almeida Mello, está dividida em duas partes. Numa primeira parte o autor caracteriza os presépios existentes na ilha de S. Miguel, desde o século XVI ao século XX, apontando, ao mesmo tempo, a sua proveniência. Esta é uma obra de leitura ligeira, amplamente ilustrada com fotos excecionais de José António Rodrigues, fotógrafo e autor de todas as imagens.

[text_divider type=”single”]

[/text_divider]

7. Ponta Delgada 1967 – Memórias da Cidade

Este livro, de Joaquim Machado, permite-nos viajar no tempo para o ano de 1967 e observar não só as mutações geográficas e territoriais desta cidade micaelense, mas também as grandes transformações na mentalidade, nos gostos, nas vivências sociais e culturais do seu povo, nesta época em que começavam a chegar a Portugal os novos valores perpetrados pelos movimentos de contracultura, desenvolvidos principalmente nos EUA e nos países europeus democráticos. É ilustrado com cerca de 80 fotografias da época.

[text_divider type=”single”]

[/text_divider]

8. A Fajã de Cima – ou como a bota de cano se tornou mais atraente que o salto alto

Este livro, da autoria de Luís Rego é, antes de mais, uma viva declaração de amor à freguesia da Fajã de Cima e às suas figuras, aqui com nomes como Ludgero, Herberto e Mário. O potencial criativo do autor fica ao serviço de uma narrativa que junta um sentimento de terna admiração por um território e o gosto em contar, com humor e uma pena desenfreada, o extraordinário.

Ler as histórias deste livro farão as delícias da noite da Consoada!

[text_divider type=”single”]

[/text_divider]

9. Fruta do Chão

Fruta se calhar não irá ser bem o que lhe irá apetecer comer nas ceias natalícias, com tantas iguarias da época para provar, mas este livro de contos bilingue (português e espanhol) – escritos por João Pedro Porto – serão, certamente, um bom digestivo ou mesmo a cereja no topo do bolo!

[text_divider type=”single”]

[/text_divider]

10. Domingos Rebêlo

Livro com edição bilingue (português-inglês) que aborda a vida e a pintura de um dos maiores e mais importantes pintores açorianos, Domingos Rebêlo. Um livro que contém a magia de diversos quadros! Um livro de luxo para os amantes de arte!

[text_divider type=”single”]

[/text_divider]

11. Lenda do Homenzinho das Quatro Estações

Livro escrito por Teresa Vicente e desenhado por Urbano sobre a lenda do Homenzinho das Quatro Estações. Esta lenda fala, de uma forma simples e enigmática, do poder da transformação e da pegada de resiliência, que todos nós devemos deixar neste mundo, como uma esperança às futuras gerações. Com efeito, o homenzinho veicula, metaforicamente, uma mensagem poderosa de amor pela vida e pela convicção de que, enquanto ela persiste em nos impulsionar para o crescimento, o desenvolvimento e, em última análise, a evolução.

[text_divider type=”single”]

[/text_divider]

12. As Aventuras de Rita e Júlia – O Natal está em apuros

Um livro escrito para uma criança para outras crianças. O Natal está em apuros é o segundo volume da coleção As Aventuras de Rita e Júlia, escrito por Rita Moniz e ilustrado por Sandra Serra.

Sinopse: Finalmente chegou o natal, e Rita e Júlia vão fazer as compras de Natal de última hora, quando descobrem que… O Pai Natal foi raptado! Será que as duas amigas vão conseguir encontrá-lo e recuperar a magia do Natal?

[text_divider type=”single”]

[/text_divider]

Esta é apenas uma pequeníssima amostra da oferta de títulos que temos a oferecer. Muitos outros livros “Made in Azores” existem e de ótima qualidade. Procura conhecer mais os nossos livros e as nossas editoras. Consome literatura açoriana!

Poderás consultar o nosso catálogo e comprar os nossos livros na nossa loja online. Clique aqui!

[blank h=”30″]

[/blank]

PARTILHE ESTE EVENTO:

Close Menu
error: O conteúdo deste evento está protegido!